Skip to content

Categoria: Dietas

Emagrecer com a Dieta Expert

Regime Diet Expert: o princípio


Diet Expert propõe um método de emagrecimento personalizado baseado no princípio de associação entre pratos ricos em proteínas e uma alimentação tradicional.


O princípio deste método baseia-se no regime hiperproteico: limitar o consumo de calorias para perder peso e ganhar massa muscular. Com efeito, o fato de privilegiar as proteínas permite criar uma sensação de saciedade e ajuda a suportar certas restrições.


O acompanhamento nutricional do paciente começa o primeiro dia do programa. Uma nutricionista profissional estabelece um diagnóstico preciso e fixa os objectivos a alcançar, em função de as vontades e necessidades do paciente.


Durante o programa, o acompanhamento do paciente é feita através de consultas semanais por telefone ou vídeoconferencia. Uma vez alcançado o objetivo de perda de peso, a nutricionista define os novos hábitos alimentares para ajudar o paciente a manter-se no peso ideal e, assim, conservar o equilíbrio nutricional a longo prazo.


O método Diet Expert em prática


Diet Expert propõe três tipos de programa em função das necessidades, vontades e orçamento de cada um:



  • Programa Booster: alimentação tradicional + produtos Booster

  • Programa hiperproteico: alimentação tradicional + produtos hiperproteicos

  • Programa Gourmet: alimentação tradicional + pratos preparados pequeno-almoço + Booster

Seja qual for o programa escolhido, o princípio não muda: combinar produtos hiperproteicos e alimentos tradicionais, e realizar um acompanhamento por telefone ou através de vídeo-conferência com a nutricionista.


Os produtos Boosters são produtos hiperproteicos, cujo índice químico (índice que indica o aporte de aminoácidos das proteínas: quanto mais alto, melhor) é equivalente a 120 (cerca de 18 g de proteínas por sobre).


Também podem ser ricos em vitaminas e minerais e, portanto, a sua qualidade organoléptica será superior a de outros produtos hiperproteicos da marca.
Os produtos hiperproteicos, têm um índice químico de 100 (cerca de 15 g de proteínas por sobre).
“O programa Gourmet”, por outro lado, propõe pratos salgados feitos com a colaboração de um chef estrela Michelin: Marc Meurin. O menu inclui um ensopado de frango e arroz, almôndegas de kefta e berinjela, etc., Todos os produtos Booster (excepto as bolachas e barras) também contam com a supervisão do chef francês. Também se podem adquirir esses produtos, sem contar com o acompanhamento dietético.


A título de exemplo, vejamos como se desenvolve um programa do tipo Booster


Pequeno-almoço


Fase booster/hiperproteica


900 – 1000 kcal


Fase de estabilização semana 1


+150 a 200 kcal


Fase de estabilização semana 2 e 3


+150 a 200 kcal por semana


Fase de equilíbrio


1600 kcal -1700


– 1 produto booster ou hiperproteico
– 1 bebida quente
– 1 leite (de acordo com o apetite)


– 1 porção de feculentos


– 1 porção de matéria gorda


– 1 bebida quente
– 1 leite (de acordo com apetite


– 1 porção de feculentos


– 1 porção de matéria gorda


– 1 bebida quente
– 1 leite (de acordo com apetite


– 1 porção de feculentos


– 1 porção de matéria gorda


1 bebida quente
– 1 leite (de acordo com apetite


– 1 fruta


Almoço ou jantar


– 1 produto booster ou hiperproteico


– 2 porções de legumes


– 1 porção de material gordura


– 1 leite


– 1 porção de carne, peixe ou ovos


– 2 porções de legumes


– 1 porção de matéria gorda


– 1 fruta


– 1 leite


– 1 porção de carne, peixe ou ovos


– 2 porções de legumes


– 1 porção de matéria gorda


– 1 porção de feculentos


– 1 fruta


– 1 leite


– 1 porção de carne, peixe ou ovos


– 2 porções de legumes


– 1 porção de matéria gorda


– 1 porção de feculentos


– 1 fruta


– 1 leite


Lanche (manhã ou tarde)


– 1 produto booster ou hiperproteico


– 1 fruta


– 1 produto booster ou hiperproteico


– 1 fruta


– 1 produto booster ou hiperproteico


– 1 fruta


– 1 fruta


– 1 capricho


Jantar ou almoço


– 1 porção de carne, peixe ou ovos


– 2 porções de legumes


– 1 porção de matéria gorda


– 1 leite


– 1 porção de carne, peixe ou ovos


– 2 porções de legumes


– 1 porção de matéria gorda


– 1 leite


– 1 porção de carne, peixe ou ovos


– 2 porções de legumes


– 1 porção de matéria gorda


– 1 leite


– 1 porção de carne, peixe ou ovos


– 2 porções de legumes


– 1 porção de feculentos


– 1 porção de matéria gorda


– 1 leite


Uma porção de carne ou peixe: de 120 a 150 gr


Uma porção de ovos: 2


Uma porção de matéria gorda: 10 gr. de manteiga e 1 colher de sopa de óleo ou 4 colheres de sopa de creme de leite fresco


Uma porção de feculentos (cozidos): 125 gr


Uma porção de legumes: a vontade


Uma porção de pão: 50 gr


Uma porção de frutas: 1=120 ml. de suco de fruta = 100 gr de frutas sem adição de açúcar



  • A fase de emagrecimento é muito rigorosa: nada de feculentos, nem gorduras, nem açúcares rápidos. De acordo com os quilos que pretendamos perder, vai ser mais ou menos longa.

  • Depois, durante a fase de estabilização, são introduzidos de forma progressiva, certos alimentos, como os feculentos, a gordura e açúcares rápidos.

  • Por último, a fase de equilíbrio permite dar algum capricho com os alimentos, como o chocolate ou o vinho, por exemplo.

Por outro lado, também se aconselha tomar entre 1,5 e 2 litros de água e praticar alguma atividade física. Vale lembrar que você tem que hidratar muito, já que os regimes hiperproteicos fazem trabalhar muito para os rins.


Contra-indicações do regime Diet Expert


Aquelas pessoas muito jovens ou de idade avançada, ou aquelas que sofrem de insuficiência renal, problemas de fígado, diabetes, hipertensão ou hipotireoidismo não devem seguir os programas propostos pelo Diet Expert. Em caso de dúvida, as nutricionistas sempre remetem ao paciente e ao médico para ter uma opinião mais completa. Os clientes cujo objetivo é atingir um IMC muito baixo não podem submeter-se a este programa dietético.


Eficácia do regime Diet Expert


Os programas hiperproteicos e Booster propõem perder entre 2 e 3 kg por semana durante a fase de emagrecimento e, depois, em torno de 1 e 2 kg durante a fase de estabilização. O programa Gourmet propõe uma perda de peso entre 1,5 e 2 kg por semana durante a fase de emagrecimento e, depois, durante a fase de estabilização, um pouco menos.


A fase de equilíbrio pretende não recuperar os quilos perdidos e adquirir bons hábitos alimentares para manter uma dieta equilibrada.


No entanto, o programa é totalmente personalizado: os objectivos de perda de peso os define cada um.


Com 10 anos de experiência a suas costas, Diet Expert reivindica a seriedade e eficiência do método, antepondo sempre a qualidade de seus produtos e assegurando o acompanhamento das nutricionistas. Céline, embaixadora do método e madrinha de muitas novas clientes, perdeu 41 quilos depois de se submeter a um programa Diet Expert e nunca foi recuperado um quilo de peso.


Por outro lado, não existe nenhum estudo disponível que demonstre a eficácia do método. Mas, como qualquer outro regime de emagrecimento, a perda de peso depende dos hábitos alimentares anteriores, o sexo, a idade e o nível de atividade física.


O programa Diet Expert, rico em proteínas e baixa em gorduras e hidratos de carbono em um primeiro momento, permite perder peso de forma eficaz e rápida. Não obstante, a fase de emagrecimento, pode ser difícil para alguns porque apenas se ingerem calorias e impõe muitas restrições.


A fase de estabilização também pode ser complicada, já que a tentação de voltar a uma dieta normal depois das frustrações geradas durante a fase de emagrecimento é muito grande. Quanto à fase de equilíbrio, trata-se de não cair em tentação e manter todos os benefícios do programa.


Vantagens e desvantagens do regime Diet Expert


Vantagens do regime Diet Expert



  • Os produtos Booster são muito bons e os pratos “chef” que propõe o programa gourmet também são saborosos. O consumo destes produtos não impede poder desfrutar dos pratos.

  • O acompanhamento por parte de um nutricionista permite ter bons conselhos e, ao longo do tempo, adquirir uma boa base alimentar. Mas é uma pena que o acompanhamento não seja obrigatório, o certo é que se podem comprar os produtos sem contratar o acompanhamento.

Desvantagens do regime Diet Expert



  • O uso de produtos hiperproteicos pode desencorajar alguns (do mesmo modo que pode ser um atrativo para outros). No entanto, para uma perda de peso estável e razoável, aconselha-se seguir comendo produtos tradicionais, mas com certas restrições e regras dietéticas.

  • Para uma perda de peso entre 10 e 15 kg, a caixa que contém produtos Booster para 10 semanas custa 259 euros no total. O custo é relativamente grande se comparado com um regime tradicional, que não precisa adquirir produtos específicos.

  • Por outro lado, muitos são os que relatam os regimes hiperproteicos com um dedo acusador: não só não permitem perder peso a longo prazo (de acordo com um estudo realizado em Kansas em 2010, que analisou os 15 regimes mais famosos, 80% dos sujeitos recuperou peso um ano após o final do regime), mas que, além disso, na opinião de muitos especialistas, não fomentam hábitos alimentares saudáveis. Neste ponto, os especialistas de Diet Expert asseguram que o acompanhamento dietético permite precisamente salvar este obstáculo, porque insistem em que o equilíbrio alimentar para manter a perda de peso.

Para mais informações sobre o programa, visite a página de Diet Expert


Y. Saïdj


Fontes:


– Avaliação dos riscos relacionados com as práticas alimentares e os programas de emagrecimento. Um relatório da Agência Francesa para a Alimentação, Saúde Ambiental e Ocupacional e de Segurança Sanitária (Anses) do 25 de novembro de 2010

Leave a Comment

Emagrecer antes do casamento

Bridorexia. Fique com este nome, pois, embora a OMS não o reconhece como uma doença, basta consultar o termo no Google para confirmar sua existência. A bridorexia é um neologismo cunhado para definir a obsessão má de algumas noivas por emagrecer de um modo extremo. Um estudo publicado no TheKnot.com e WeddingChannel.com revela que cerca de 1,7 milhões de noivas americanas tentam perder de 5 a 10 quilos antes do dia de seu casamento.

Devemos ressaltar que o fato de querer emagrecer alguns quilos para o dia do casamento NÃO é uma atitude má. “Desde sempre, ou, pelo menos, desde há muito tempo, a mulher quer ficar linda no dia de seu casamento, já que será o centro de olhares, e, para isso, seguir os ditames da moda; e se a moda é ser magro, pois assim o quer ela. Além disso, ser ‘gordinho’ não só não é estético, mas que não é saudável. Eu acho que é uma atitude absolutamente normal”, afirma Maria Dolores Saavedra, endócrina, especialista em genética médica e pesquisadora no serviço de Endocrinologia do Hospital Gregorio Marañón, com o que falamos para saber o que há de verdade sobre a bridorexia. “Para mim não existe esse distúrbio e não acho que nenhum médico pode considerar como tal”, vala, a especialista.

Bridorexia, um termo cunhado na imprensa

A primeira vez que a palavra bridorexia apareceu na imprensa foi em maio de 2008, na sequência do caso de Charlotte Buckley, uma britânica de 22 anos que, obcecada com a perder quilos para o dia de seu casamento, manteve durante meses uma dieta de 500 calorias diárias. “A obsessão pelo meu casamento esteve a ponto de me matar”, declarou, então, Charlotte ‘The Daily Mail’. “Eu sabia que estava me machucando, mas cada vez que perdia um quilo, eu me sentia melhor. Chegou a ser como uma droga, porque eu sabia que assim, o dia do meu casamento, tudo seriam elogios para mim”.

Kate Middleton e Kim Kardashian

Charlotte Buckley foi a primeira mas não a única mulher a quem a imprensa lhe pendurou o cartaz de ‘bridorexia’. Os rumores por essa obsessão má para estar magra no dia do casamento também rondaron a algumas celebridades, como Kate Middleton e Kim Kardashian. Com 1,77 metros de altura, a mulher do príncipe William, caiu para 45 quilos para seu casamento. Quando em visita oficial à Irlanda, sendo ainda prometida, alguém lhe disse que não perdesse nem um quilo a mais, Kate respondeu: “faz parte do plano”. Por sua parte, Kim Kardashian foi submetida a um regime muito rigoroso de exercícios e uma dieta de 1.200 calorias diárias para estar perfeita no dia do seu casamento com o jogador de basquete Kris Humpries.

O IMC e a gordura corporal fixam os limites

Querer ser bonita no dia do casamento é algo natural. Mas onde estão os limites? “A OMS e todos os comitês internacionais tem muito presente os limites tanto do peso, do IMC e do % de gordura corporal, que são saudáveis, e dependem da idade e constituição física da mulher, mas esses limites os conhecemos todos os médicos e nunca deixamos que nossos pacientes sejam superiores”, esclarece a doutora Maria Dolores Saavedra.

A melhor dieta prévia ao altar: água, frutas e nada de fritos

As dicas para estar bem no dia do casamento, de acordo com a especialista em nutrigenética do Hospital Gregorio Marañón de Madri, passam sempre por ter uma alimentação saudável e equilibrada, beber muita água e tomar muita fruta e legumes. Mesmo assim, há que evitar alimentos fritos, rehogados, rebozados ou empanados, bem como maionese e molhos, charcutaria e queijos gordos.

A doutora Saavedra insiste em se manter hábitos saudáveis, tanto as que têm tendência genética como as que não, se beneficiarão de manter um peso estável e normal, o que lhes permitirá ter uma melhor qualidade de vida e a vivê-la mais anos, já que está super demonstrado que o excesso de peso e a obesidade estão associados e favorecem outras doenças que encurtam a vida e diminuem a sua qualidade. “Por isso, com ou sem casamento, devemos lutar, sem obsessões por uma alimentação saudável, pois já dizia Aristóteles: somos o que comemos”.

Fonte:

Entrevista com a dra. Mª Dores Saavedra, Pesquisadora do Serviço de Endocrinologia do Hospital Geral Universitário Gregorio Marañón (Madrid). www.doloressaavedra.com

Leave a Comment